Kit Baubo de Caixas Acústicas

kitbaubo
Kit completo para desenvolvimento de uma caixa acústica para alta performance de forma artesanal, para saber as especificações veja aqui.
 

Kit Sublimes de Caixas Acústicas

kitsu

Instruções detalhadas para montagem de um par de caixas acústicas Sublimes, uma caixa com performance arrebatadora para a sua faixa de preço.

Baubo Luxo–Uma versão bem especial

IMG_33652

Montar caixas é algo que sempre me chamou muita a atenção, com o tempo acabei desenvolvendo muitas técnicas que me ajudam no desenvolvimento. Mas sempre tive vontade de fazer uma caixa que fosse com uma identidade marcante, algo que fosse relativamente simples mas que identificasse a origem, a autoria…

Altec Ripper – Uma torre de grande formato

IMG_3346

Quem não gosta de lidar com velharias?  Fui "convidado" a fazer um redesenho de um gabinete para o aclamadíssimo Altec que mostro abaixo, uma verdadeira lenda. Tido por muitos como um dos melhores alto-falantes já fabricados. Por baixo, uns 45 anos de vida o que é interessante por ser mais velho que esse que vos escreve…

Fotografias

fotografia

Uma de minhas grandes paixões é a fotografia, uma arte complicada que requer muito estudo e dedicação. Meu equipamento é um verdadeiro “vintage” e ainda tenho muito que aprender .

Entre em contato

img-contato

Acho que quem inventou esse tal de “mundo virtual” jamais poderia prever o número de e-mails que seus “tripulantes” teriam que lidar diariamente. rsrsr

Brincadeiras a parte, essa questão de estar em dia com todos os contatos e perguntas é realmente um grande problema, o fluxo de e-mails é absurdo e por isso tenho me esforçado bastante para deixar o site o mais completo possível.

Quem sou!

quem

Na verdade, o correto seria afirmar: "O que gosto!"

Fui batizado por Renato, criado por pessoas maravilhosas e desde cedo tive no trabalho manual a minha grande válvula de escape.

UTHER – Um subwoofer mais que especial

capa

Curioso como um de meus menores subwoofers, possa justamente, usar o maior dos alto-falantes, o imponente e pesado (25kg)  JL Audio  13W7-D1.5

Baubo – Caixa montada

baubomontada

Performance absolutamente incrível em uma caixa acústica 100% brasileira, adequada para sistemas estéreo (2CH) ou multicanal. Pode ser usada com amplificadores de relativa baixa potência ou mesmo receivers de HT.

Binding Post

bps

Cansei de ter que bolar alguma solução para algo tão simples em cada novo projeto que desenvolvo e vou aproveitar para disponibilizar para quem quiser. Ficou com uma aparência fantástica, utilizei acrílico preto e foi desenvolvido a partir da precisão do corte a laser.

Cabo SI Audiophile Line – Caixas acústicas

suaudio

  • Cabo para ligar alto-falante
  • 12AWG / 2 x 3,3mm²
  • 367 filamentos x 2 – maior número de filamentos do mercado
  • Precisão e fidelidade na reprodução
  • Perfeito para sistemas de altíssima fidelidade.
  • O cobre de alta pureza 4N (99,99%) livre de oxigênio
  • A parte central cuidadosamente desenvolvida para garantir baixíssima capacitância.
  • Pontas preparadas e estanhadas.

Veja disponibilidade e compre em:
http://www.audiokit.com.br

logo_final_gr[1][2]

 


  DSC_4272 DSC_4274 DSC_4278

Ps. Fotos meramente ilustrativas, não inclui os terminais.

Cabo SI Classic

siclassic

  • Cabo de Alto-Falante 14AWG / 2 x 2,0mm²
  • 182 filamentos x 2
  • Pedaço com 4 metros
  • Um dos cabos mais flexíveis do mercado
  • Linda aparência e uma performance maravilhosa pelo que custa
  • Sem paralelo no mercado nacional
  • Pode ser usado tanto para cabeação interna de caixas quanto para ligação entre amplificador e caixa.

Baubo – Kit de Madeiras

 

kitmad

Kit de Madeiras completo para montagem de um par de caixas acústicas com o Kit Baubo de componentes.

Baubo – Crossover avulso

capa

Par de crossover desenvolvido exclusivamente para a montagem da caixa acústica Baubo, tendo o seu gabinete como referência e buscando sempre a melhor resposta de frequência, impedância e o mínimo desvio de fase.

Baubanas – Uma torre muito especial

tela

Fazer caixas acústicas é uma de minhas maiores diversões, mas algumas por possuírem elementos tão singulares acabam proporcionando em seu resultado final algo extremamente especial. Algo que dificilmente pode ser rivalizado com outra caixa, independente de valor ou grife e se seguirem esse post até o final, talvez concordem comigo.

Remodelação e ajuste de conteúdo

construção

O site está passando por uma remodelação completa. Além do novo lay-out, estou trabalhando na adequação e organização de todo o conteúdo. Acredito que em alguns dias tudo deve estar bem legal para que possa começar a incluir novos conteúdos e projetos.

Nesse período, não deixe de me procurar por qualquer motivo.

Suporte para Tweeter

capa

Suporte para tweeter torneado em madeira maciça. Feito inicialmente para fazer conjunto com o Kit Baubo, pode ser usado em qualquer outra aplicação desde que use o mesmo tweeter.

Boas Festas !!!!

Amigos,
Paz, saúde, sabedoria, muita felicidade e um 2014 repleto de grandes realizações!!!!
Tudo de bom nessa época tão especial!!!
Receba ainda o meu muito obrigado por me aturarem com um tema tão louco mas fascinante como o desenvolvimento de caixas acústicas.
merry_christmas_card

Base para amplificador (Amplifier Stands)

Sempre tive vontade de colocar a minha eletrônica no chão, acho que tem um apelo  visual arrebatador e de quebra traz uma facilidade absurda no manuseio dos equipamentos, na troca de componentes para testes e etc…

Por melhor que seja o rack, sempre é muito chato tirar e colocar um novo aparelho. No mercado “audiófilo” uma simples base como essa pode chegar a custar mais de USD 3.000,00 e por isso, nem perdi tempo pesquisando ou tentando achar um fabricante mais acessível, parti logo para o que mais gosto de fazer:

Juntei uns cacos, meti cola branca, um pouco de arte para ao final tentar algo bem interessante que pudesse ser jogado no ambiente.

Queria fazer algo bem claro e sempre acho muito bonito o marfim e gostei muito do resultado. Fiz 2 modelos, uma base bem parrudona toda amortecida e com altíssima tecnologia ( da NASA heheh ) para colocar o amplificador. Fiz também uma segunda, um pouco menor e mais simples, apenas com 4 folhas de MDF de 18mm coladas, essa para colocar o player.

Espero que gostem!!!

IMG_0678

IMG_0524 IMG_0523 IMG_0525 IMG_0528 IMG_0613 IMG_0624 IMG_0629 IMG_0618 IMG_0620 IMG_0671 IMG_0672 IMG_0676 IMG_0677 IMG_0685 IMG_0684 IMG_0683

Impedância nominal de uma caixa acústica

Como esse é um tema sempre de muita resistência, vou falar umas “abobrinhas” para melhorar o entendimento.

Primeiro devemos entender que a impedância de uma caixa acústica varia com a frequência e isso pode ser uma pegadinha extremamente perigosa dependendo da caixa e independente do que consideramos como impedância nominal, ou seja, aquele valor que nos referimos quando perguntamos se a caixa tem 4, 8 ou 16ohms por exemplo...

Vejam o gráfico abaixo da B&W 602, uma caixa vendida como sendo 8ohms.

1123

De onde saiu esse maldito 8ohms???

Eu não sei e como ela tem muitas no mercado, reparem que ela fica o tempo bem abaixo dos 8ohms.

Isso dito, nos resta uma grande questão:  Como definir "nominalmente" o tal valor, sem usar textos que só Deus sabe de onde vieram?

Uma busca mais atenta sobre o tema e vamos descobrir que por convenção devemos (?) usar o menor valor imediatamente depois do grande pico de ressonância da resposta, como mostro abaixo que nesse exemplo seria de 8ohms. (reparem o pontilhado do Nominal Z)

nominalz

Caramba, mas até quando temos regras, temos mais perigos...pois ao traçar isso como definição nada impede de ter uma curva descendo a valores inferiores ao "nominal" em outras regiões do gráfico.

Pela regra acima esse gráfico a seguir deixaria a impedância nominal em 5ohms, mas reparem que ela desce abaixo dos 4 logo depois e isso é mais comum do que se imagina. 

Crossover feito por formulas sem equipamentos adequados (em projetos e medições) pode deixar vales assustadoramente perigosos mesmo com componentes de alto valor nominal.

Mas pera lá, como é definido esse tal 8ohms do alto-falante mesmo? hehehe

500x1000px-LL-c12855be_812Emofig1

Abaixo uma segunda curva com esse mesmo tipo de situação mas que vamos supor um tipo extremamente perigoso de situação.

Reparem que essa curva pelas regras seria “nominal” em algo bem próximo a 8ohms no vale por volta dos 250hz.

Agora imagine você tendo que sonorizar um grande ambiente, possui um belíssimo power que segura 2ohms de carga e quer colocar 4 caixas ligadas em paralelo.  Na teoria seriam os tais 2 ohms que o power foi projetado para trabalhar.

Acontece que um olhar mais atento no revelará que em 1049Hz a curva desce em 6ohms e com isso, ao ligar 4 caixas teríamos 1,5ohms e o risco de acabar com a festa passa a ser simplesmente irremediável e um técnico só deve estar disponível para olhar, lá pela segunda-feira.. rs

IMAGE4 2

Isso dito, segue abaixo o gráfico das Baubos (uma caixa DIY de minha autoria) que apresenta uma curva maravilhosa para ser empurrada por qualquer amplificador minimamente decente, já que é relativamente plana e com pouca variação.

E baseado no que falei não seria errado afirmar que é uma caixa com impedância nominal de 6ohms, mesmo usando apenas componentes “nominais” de 4ohms nessa versão do crossover.

baubotr

Que rolo hein… rs



Manter esse site atualizado tem sido cada dia mais complicado. Ele cresceu como nunca poderia imaginar e muitas vezes fico triste por não poder atualizar com tudo que eu tenho em mente.


Escrever toma tempo, um simples artigo/post pode levar dias até ser completamente amadurecido a ponto de ser publicado e como o mercado também evolui as questões ficam naturalmente mais complexas. O site em si não me gera despesas, mas como manter tem tomado MUITO tempo, isso se traduz em custos, infelizmente.


Se você apoia essa ideia, se você já buscou inspiração nos meus projetos ou se já teve a minha ajuda direta ou indiretamente, por favor, considere fazer uma pequena doação, basta clicar no botão abaixo, pois tem até brinde.